Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Parabéns!!

 Hoje é um dia minha que especial, pois é o aniversário da minha tia Michelle. Então deixo uma mensagem para você:

Frases...

 Enquanto a cor da pele for mais importante que o brilho dos olhos, haverá guerra.

 Amor: 4 Letras, 2 Vogais, 2 Consoantes e 2 Idiotas.  














  Autor: Bob Marley.

Feira do livro!

 Esse foi o livro que eu comprei na feira do livro, estou lendo e é muito bom!








 
 

Charge!

domingo, 22 de abril de 2012

música da Avril Lavigne.

  



I'm With You

Avril Lavigne

I'm standing on a bridge
I'm waiting in the dark
I thought that you'd be here by now
There's nothing but the rain
No footsteps on the ground
I'm listening but there's no sound
Isn't anyone trying to find me?
Won't somebody come take me home?
It's a damn cold night
Trying to figure out this life
Won't you take me by the hand?
Take me somewhere new
I don't know who you are
But I... I'm with you
I miss you
I'm looking for a place
I'm searching for a face
Is anybody here I know?
Cause nothing's going right
And everything is a mess
And no one likes to be alone
Isn't anyone trying to find me?
Won't somebody come take me home?
It's a damn cold night
Trying to figure out this life
Won't you take me by the hand?
Take me somewhere new
I don't know who you are
But I... I'm with you
I'm with you
Yeah, Yeah, Oh...
Oh why is everything so confusing
Maybe I'm just out of my mind
Yeah yeah yeah
Yeah yeah yeah
Yeah yeah yeah yeeeaaahhh
It's a damn cold night
Trying to figure out this life
Won't you take me by the hand?
Take me somewhere new
I don't know who you are
But I... I'm with you
I'm with you
I'm with you
Take me by the hand?
Take me somewhere new
I don't know who you are
But I... I'm with you
I'm with you
I'm with you.
Take me by the hand?
Take me somewhere new
I don't know who you are
But I... I'm with you
I'm with you
I'm with you.
Composição: Avril Lavign

Charge.

 

Frases!

 Abra mão de tudo,menos do que te faz feliz.




A pior parte do ciúmes é que depois dele vem as lágrimas.



Nunca deixe seu orgulho ser maior que seus sentimentos.


sábado, 21 de abril de 2012

Charge !!

Ter independência ?!

                                                                Pergunte ao nosso povo
o que é ter independência
e receba uma lição
que lhe dá experiência.
Participar,decidir
com firmeza e consciência
quem ou não dirigir,
isso é ter independência.
Ser povo forte e sadio,
receber toda assistência,
não passar fome, nem frio,
isso é ter independência.
Ter direito a estudar,
morar com toda a decência,
ter terra para cultivar,
isso é ter independência.
Ter salário que garanta
dos seus a sobrevivência,
colher para si quando planta,
isso é ter independência.
Expressar tudo o que pensa
sem temer a conseqüência
seguir livre qualquer crença,
isso é ter independência.
Viver sempre em segurança
liberto da violência,
dormir enquanto descansa,
isso é ter independência.
Mas a um povo que oprimido
só vive na abstinência
eu pergunto, entristecida,
- isso é ter independência?
Daisa Lacerda Gomes

Frase!

  Ame sem medo de ser amado!

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Apelo.

    

   Amanhã faz um mês que a Senhora está longe de casa. Primeiros dias, para dizer a verdade, não senti falta, bom chegar tarde, esquecido na conversa de esquina. Não foi ausência por uma semana: o batom ainda no lenço, o prato na mesa por engano, a imagem de relance no espelho.
   Com os dias, Senhora, o leite primeira vez coalhou.  A notícia de sua perda veio aos poucos: a pilha de jornais ali no chão, ninguém os guardou debaixo da escada. Toda a casa era um corredor deserto, e até o canário ficou mudo. Para não dar parte de fraco, ah, Senhora, fui beber com os amigos.
   Uma hora da noite eles se iam e eu ficava só, sem o perdão de sua presença a todas as aflições do dia, como a última luz na varanda.
   E comecei a sentir falta das pequenas brigas por causa do tempero na salada-o meu jeito de querer bem. Acaso é saudade, Senhora?
  Ás suas violetas, na janela, não lhes poupei água  e elas murcham. Não tenho botão na camisa, calço a meia furada. Que fim levou o saca-rolhas? Nenhum de nós sabe, sem a Senhora, conversar com os outros. Venha para casa, Senhora, por favor.



              Autor: Dalton Trevisan

Encontro e desencontros...

    Casamento.

  Há mulheres que dizem:
  Meu marido, se quiser pescar, pesque,
  mas que limpe os peixes.
  Eu não. A qualquer hora da noite me
  levanto, ajudo a escamar, abrir, retalhar
  e salgar.
  É tão bom, só a gente sozinhos na cozinha,
  de vez em quando os cotovelos se
  esbarram, ele fala coisas como "este foi
  difícil""prateou no ar dando rabanadas"
  e faz o gesto com a mão.
  O silêncio de quando nos vimos a primeira
  vez atravessa a cozinha como um rio
  profundo.
  Por fim, os peixes na travessa,
  vamos  dormir.
  Coisas prateadas espocam:
  somos noivo e noiva.


         Autora: Adélia Prato.

Charge!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Colega de Classe.

    No dia dois de janeiro, reencontrei a minha colega de classe, a Aline Simiano. Ela estava do mesmo jeito que eu a encontrara no ano anterior; conversadeira, companheira e estourada.
   Para virar amiga(o) dela, a pessoa tem que ter caráter elevado e andar na linha; ela não é de descupal as(os) amigas(os) facilmente. Tanto  que a sua idéia de felicidade é ter amizades verdadeiras e não falsas.
   Nascida em Joinville, ela me conta que até hoje só estudou em um colégio, o colégio Profesora Zulma. Ela também conta que sente falta de quando não frequentava o colégio e que podia brincar o dia inteiro.
   Focada em passar de ano e ir para o Ensino Médio, Aline já sonha com o dia em que iniciará a faculdade, finalizará os estudos e será bem sucedida na vida. Quando não está estudando, gosta de jogar vôlei e de ficar navegando na internet.
   Asua cor favorita é azul e gostaria de ter o poder de ler mentes.


  Obs: Esse texto foi minha amiga de classe Viviani que elaborou!
 

Charge!

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Palíndromos.

* Ame a ema.
* Assam a massa.
* Anotaram a data da maratona.
* Assim a aia ia á missa.
* A diva em Argel alegria-me a vida.
* Após a sopa.
* Eva, asse essa ave.
* A mala nada na lama.
* A torre da derrota.
* Roma é amor.
* O céu sueco.
* O galo ama o lago.
* O lobo ama o bolo.
* Rir, o breve verbo rir.
* Ame o poema.
* Zé de lima, rua laura, mil e dez.